Goodreads

Destaques

0 Cultos Inomináveis

  Robert E. Howard é hoje mundialmente conhecido como o criador de personagens incontornáveis da fantasia como Conan, o Bárbaro ou Salomão Kane. O que muitos desconhecem é o facto de ter existido uma correspondência regular entre os amigos H. P. Lovecraft e Howard, o que terá levado este último a criar contos memoráveis de horror inspirados no mito de Chtulhu. 
  Os contos lovecraftianos de Robert E. Howard são aqui apresentados numa coletânea onde dominam criaturas que habitam os cantos mais recônditos e negros da Terra, criaturas inomináveis saídas da imaginação de um autor que foi também uma grande influência nos principais mestres de horror. Entre nas ruelas e mansões sombrias de Robert E. Howard e mergulhe na loucura de Chtulhu. Se tiver coragem.

Autor: Robert E. Howard
Editor: Saída de Emergência (Fevereiro, 2014)
Género: Fantasia
Páginas: 256

Sobre o autor...
  O Sr. Howard vinha de uma família de plantadores do Sul - de origem Escocesa-Irlandesa, a maioria dos seus antecessores viviam na Geórgia e Carolina do Norte no século XVIII.
  Começando a escrever aos quinze anos, o Sr. Howard publicou a sua primeira história três anos mais tarde quando era estudante no Howard Payne College em Brownwood. Esta história "Lança e Presa", foi publicada no Weird Tales em Julho de 1925. Obteve uma maior notoriedade com a novela "Wolfshead" na mesma revista em Abril de 1926. 
  Em Agosto de 1928, começou os contos de "Salomão Kane", um Puritano inglês de impiedosos duelos cujas aventuras o levaram aos lugares mais invulgares do mundo - incluindo as desconhecidas e assombrosas ruínas de cidades dos primórdios em selvas africanas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário