Goodreads

Destaques

6 Banco Caixa Geral de Depósitos quase brindou clientes com livros eróticos

No dia Mundial do Livro a Caixa Geral de Depósitos decidiu oferecer livros aos seus clientes actuando em parceria com a editora Saída de Emergência; 13 títulos de diferentes géneros literários seriam distribuídos pelas agências do banco...a CGD só não contava que o género erótico estivesse incluído!...‘Sr. Bentley, o Enraba Passarinhos’ encontrava-se entre os títulos a ofertar.

A campanha acabou por ser, obviamente, cancelada...


6 comentários:

  1. Talvez não fosse má ideia pesquisar mais sobre o assunto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antes de mais, cumprimentos e obrigada pelo comentário.
      Passo a explicar que o meu objectivo é meramente a divulgação de notícias do dia que envolvam livros; esta notícia saiu ontem e eu apenas a divulguei, citando a fonte, como sempre, com o intuito de referência mas também como forma de isenção, da minha parte, relativamente ao que foi escrito por outrém.
      Citei a fonte directa de que me servi, mas há outras, como:
      http://www.publico.pt/cultura/noticia/caixa-geral-de-depositos-cancela-oferta-de-livros-com-linguagem-erotica-1592255

      http://www.ionline.pt/dinheiro/erro-casting-caixa-geral-depositos-esteve-prestes-distribuir-livros-eroticos

      http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=628256&utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+ddCultura+%28Cultura+%7C+Diário+Digital%29

      Se havia pesquisa a ser desenvolvida sobre o assunto, essa estava obviamente à responsabilidade dos jornalistas que escreveram os artigos.

      Excluir
  2. Não me parece isenção o que escreveu "A campanha acabou por ser, obviamente, cancelada..."

    Claro, mas se não se importa de repetir tudo o que os outros dizem...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando um artigo menciona "lapso", "por engano", "cancelamento da campanha mesmo a tempo" e outra fonte refere que os responsáveis da CGD afirmaram que alguns livros do lote não eram "adequados ao posicionamento e imagem do banco" parti do principio que era óbvio que a CGD iria querer cancelar a distribuição.

      Tentei manter o espírito do artigo citado e, garanto-lhe, deixei a minha opinião pessoal de fora...até porque ela é bastante contrária à posição que o banco tomou...
      E sim, quando cito um artigo como fonte, tento "repetir" o que lá está escrito...não vou inventar.

      Quanto ao género atribuído ao livro mencionado, o artigo diz o seguinte "(...) entre o lote de obras a disponibilizar constavam livros eróticos, de que constitui exemplo "Sr. Bentley, o Enraba Passarinhos". Eu, no entanto, não coloquei a informação com esta mesma disposição no post; disse que havia lit. erótica no tal lote e que o "Sr. Bentley, o Enraba Passarinhos" estava incluído nesse mesmo lote...não disse que o livro era do género erótico e acrescentei o link para a sua ficha para quem quisesse saber mais sobre o livro.

      Excluir
  3. Acho que a crítica da Olinda não é o ter ou não sido cancelado... é o facto de o livro referido como erótico ser na realidade humorístico ^^

    ResponderExcluir
  4. Olá v_crazy_girl :)
    Respondi igualmente no comentário acima, quanto ao género atribuído ao livro.

    ResponderExcluir