[Fechar]

expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Home Email Home Facebook

Destaques

0 Lua de Sangue

Victoria Bodeen só tinha uma forma de fugir aos mais tratos do pai quando era criança - agarrando-se à amizade de Hope...até que esta foi brutalmente assassinada!

Depois de alguns anos de ausência, Victoria, ou Tory, está de regresso, decidida a instalar-se nesta pequena cidade. Mas para isso terá que sobreviver aos mexericos e curiosidade alheia, ao ressentimento de uma mãe que nunca conseguiu ultrapassar a perda da filha, à frustração de uma irmã sempre posta em segundo lugar, aos atribulados e confusos sentimentos que começa a desenvolver por Cade, o irmão de Hope, à fúria de um pai cruel e violento, à impassibilidade de uma mãe resignada...e à perversão de um assassino que decidiu que está na hora de atacar...outra vez!

Não falta neste livro tensão e acção! Contudo, a sua estrutura torna-o menos introgantes ou viciante que outros livros da autora...Mais uma vez, Nora Roberts faz um excelente trabalho em esconder de nós a identidade do assassino (ou isso, ou sou eu que estou completamente a milhas de ser uma boa detective).

O elemento paranormal está pouco desenvolvido e tem pouca credibilidade. As relações desenvolvem-se demasiado depressa com conclusões pouco texturadas, com tudo muito monofacetado e superficial. 

Gostei muito de Faith, a irmã gémea de Hope, e da sua libertinagem, sentido de humor e coração puro. Também gostei de Tory, pelo seu carácter forte, vontade de vencer e a forma como conseguiu ultrapassar as cicatrizes psicológicas deixadas por uma infância de maus tratos. 

Sinopse:
«Tory Bodeen viveu a sua infância na Carolina do Sul, numa pequena casa degradada, onde o pai imperava com um punho de ferro e um cinto de cabedal. Em compensação, porém, havia a pequena Hope, que vivia ali perto, e cuja amizade tornava possível que Tory fosse aquilo que lhe não permitiam ser em sua casa: uma criança. Depois do brutal assassínio de Hope, que a polícia jamais esclareceu, a vida de Tory começou aos poucos a desfazer-se. Mas agora prepara-se para regressar à sua terra natal. À medida que forja novos laços de afecto com Cade Lavelle, o irmão mais velho de Hope, não consegue no entanto ter a certeza de que a tragédia que ambos experimentaram contribua de facto para os aproximar. Viver assim tão colada à memória de uma infelicidade que tanto a marcou virá a revelar-se mais difícil e mais assustador do que Tory alguma vez imaginara. Até porque o assassino de Hope anda também por perto»

AutorNora Roberts 
EditorUlisseia (2011) 
Páginas: 432 
Original: Carolina Moon (2000) 
Cotação: 3!





Nenhum comentário:

Postar um comentário