Goodreads

Destaques

0 Sangue Azul Gelado {Livros Junho}


Wook.pt - Sangue Azul GeladoAlusões literárias, personagens peculiares, nomes singulares, acontecimentos estranhos. Drama, paixão, tragédia. Vidas atravessadas pela realidade de uma Rússia que teimava, nalguns aspectos, em ficar aquém do que preconizava a ideologia dominante.

Este romance de Iúri Buida é mais uma demonstração de que, na literatura russa, existem temas eternos, mas que podem ser abordados de forma original.

A história da vida e da morte de Ida Zmoiro, cujo protótipo foi a conhecida actriz soviética Valentina Karavaeva, é utilizada pelo autor para retratar um regime onde o indivíduo pode gozar da sua fama mundial desde que seja fiel ao ditador, mas «desaparece» logo que ousa ir contra as regras da ditadura.

Expulsa dos ecrãs e palcos, Ida não baixa os braços e tenta sobreviver num ambiente cinzento e hostil, criando o seu próprio mundo: um quarto escuro onde continua a representar os seus papéis preferidos. Pouco tempo antes de morrer, Ida tinha-se levantado da cama, ao som das três horas da madrugada, para libertar uma Stomoxys calcitrans de uma caixinha onde a guardara por algum tempo, e assim manter o ritual. Mas desta vez a mosca não «ressuscitou» como de costume. Ida saiu de casa, com caixinha dentro do bolso, e não voltou mais. Morreria algum tempo depois. O povo de Chúdov atribuiu a culpa às «pombas». Seria Ida Zmoiro a última vítima?


Autor: Iúri Buida
Editor: Gradiva (Junho, 2016) 
Género: Romance
Páginas: 284


Iúri Buida nasceu em 1954 na região de Kaliningrado, enclave russo no Mar Báltico que fez parte da Alemanha até 1945. Depois de terminar a universidade local em 1982, Buida dedicou-se ao jornalismo, tendo passado por vários órgãos de informação de Kaliningrado e Moscovo. No início dos anos 1990, começa a publicar contos em conhecidas revistas literárias russas, mas a fama chega com o romance A Casa do Dominó (1994) e a coletânea de contos A Noiva Prussiana (1998). Ambas as obras participaram na fase final do Prémio Booker da Rússia. Em 2010, a revista literária Znamie publica o romance Sangue Azul Gelado, obra que confirma Iúri Buida como um dos importantes escritores da literatura russa contemporânea. Tendo vencido numerosos prémios no seu país, a obra literária deste escritor foi já traduzida e publicada em várias línguas estrangeiras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário