Goodreads

Destaques

0 Florbela

  Florbela Espanca casa pela terceira vez. É mulher, nora, irmã, filha, amiga. É tudo, menos poeta. 
  Vive entre a realidade de Matosinhos e a ficção de uma outra existência que abandonou no papel. E todos os dias se questiona, todos os dias é real na sua guerra privada entre aquilo que os outros querem e aquilo que ela ambiciona. É neste intervalo mágico e possível que o autor se revela. É neste período entre o casamento com o Doutor Lage e a morte do irmão Apeles que tudo acontece, numa viagem ao mais íntimo poema de uma mulher que viveu fora do corpo, fora do género, acima do chão, rasgando a condição e tentando sempre encontrar uma verdade que nunca chegou. Ou será que chegou? 
  Nesta viagem iniciática, Florbela, Apeles e o autor questionam tudo ou questionam a existência pura do sonho e da vida - como se todos nós fossemos feitos do desejo, da dor e dessa constatação trágica de não saber viver.

Autor: Vivente Alves do Ó
Editor: Chá das Cinco (Julho, 2014)
Género: Romance
Páginas: 288

Sobre o Autor:
Nasceu em 1972. Argumentista.
Em 2011 estreou-se como realizador de longas com Quinze Pontos na Alma e em 2012, a segunda longametragem chegou aos ecrãs: Florbela inspirada na vida e obra da poetisa Florbela Espanca (mais de 40.000 espectadores em dois meses de exibição).
Também autor de Marilyn à Beira-Mar





Nenhum comentário:

Postar um comentário