Goodreads

Destaques

0 Mas é Bonito

  A partir do modo como ouve o jazz de Charles Mingus, Thelonious Monk, Bud Powell, Art Pepper, Chet
Baker, entre outros, e a partir de uma série de fotografias de músicos e formações, Geoff Dyer improvisa e ficciona oito variações como se fossem, cada uma delas mas também em conjunto, um romance.
  Nas palavras de Keith Jarrett, este é o melhor livro de jazz que ele alguma vez leu. Um livro sobre jazz, improviso e domadores de feras.

Autor: Geoff Dyer
Editor: Quetzal (Abril, 2014)
Género: Romance
Páginas: 224
Original: But Beautiful: A Book About Jazz (1991) [Goodreads] [WOOK]
   


Sobre o Autor:
Geoff Dyer já escreveu três romances, um estudo crítico sobre John Berger e seis livros de não-ficção, incluindo "Mas é Bonito", galardoado com o prémio Somerset Maugham, Out of Sheer Rage, finalista do prémio National Book Critics Circle nos Estados Unidos da América, e, mais recentemente, um livro sobre fotografia, "The Ongoing Moment", com o qual ganhou o 2006 Infinity Award atribuído pelo International Center of Photography. 
Vencedor do Lannan Literary Award e do E. M. Forster atribuído pela American Academy of Arts and Letters, Geoff Dyer vive em Londres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário